Anúncios
Novidades

Erros mais comuns ao fazer um Creme Brulée

O Creme Brulée é uma sobremesa muito conhecida e amplamente reproduzida. Porém, tão comum quanto a sua reprodução, são os erros ao fazê-la. Talvez por parecer uma sobremesa fácil tantas pessoas se arrisquem e acabem cometendo tais erros que transformam uma deliciosa sobremesa em uma catástrofe. É bem provável que ao ler este post e saber os erros mais comuns, você nunca cometa estes erros e faça um incrível Creme Brulée.

  • Escolher o Ramekin correto

O tamanho do ramekin utilizado é extremamente importante pois dependendo do formato a proporção de creme e açúcar queimado ficarão erradas e a sobremesa acabará não ficando tão gostosa. O ideal é que o ramekin seja largo e raso, o creme deve ter em torno de 2,0 centímetros de altura, não mais que isso. Caso o creme fique muito alto, além de atrapalhar a proporção, ele levará mais tempo para assar, o que significa que a base ficará cozida demais e talvez cru por dentro

  • Separar as gemas e as claras

O creme brulée deve ter uma consistência firme e cremosa. Para que isso seja alcançado é necessário utilizar apenas as gemas, caso a clara seja utilizada, o creme terá muita estrutura e perderá a cremosidade. Lembre que é possível reservar a clara restante para outras receitas.

  • Proteger o creme da água

Para que o creme alcance uma textura suave e sedosa, é necessário que ele seja assado em banho maria. Como o ramekin ideal é muito baixo, existe um grande risco de cair água dentro do ramekin e arruinar o creme brulée, pois o creme ficará duro e encharcado. Para evitar o problema, envolva os fundos e os lados dos ramekins com a folha de alumínio  virada para cima, assim formará uma espécie de cerca que ajudará a proteger contra a água fervente. Além disso, é possível acomodar a forma com os ramekins no forno e apenas depois colocar a água fervente.

  • Queimar o açúcar errado

Definitivamente esta não é a hora de se testar o açúcar de coco extravagante, o açúcar cru e o orgânico, o mais indicado é o açúcar refinado branco. Se os grãos do açúcar forem muito grandes, ele pode ficar excessivamente queimado e acabar derretendo o pudim. Para iniciantes, pode ser difícil enxergar o ponto certo do açúcar e se ele for branco fica mais fácil de enxergar a caramelização acontecendo, o que é ocorre de maneira bem diferente nos outros tipos de açúcar que já possuem a coloração castanha.

  • Queimar o açúcar sem maçarico

Por mais experiente e hábil você seja na cozinha é impossível obter a coloração ideal do açúcar sem o auxílio de um maçarico. Jamais tente queimar o açúcar de outra forma, será desastroso. O maçarico é uma ferramenta fácil de ser encontrada e relativamente barata, portanto invista em um destes caso queira fazer um creme brulée.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: